Aliança reabriu como espaço de tertúlia na baixa de Faro

Cafe AliançaO Café Aliança, ex-libris e espaço centenário de Faro, na baixa da capital algarvia, reabriu esta segunda feira ao final da tarde as portas ao público, através da candidatura do socialista Paulo Neves à Câmara de Faro. Encerrado há cerca de quatro anos, “o Café Aliança vai abrir portas diariamente,independentemente do resultado das eleições autárquicas, enquanto existirem condições contratuais”, assegurou o candidato do PS enquanto incentivava os presentes que enchiam o espaço e todos os farenses a frequentarem aquele conhecido local de tertúlia para “continuarem a tradição, ao mesmo tempo que podem rever as fotografias de Faro antigo expostas nas paredes do estabelecimento, ler um livro sobre Faro, beber café e água e participar nas tertúlias que o PS irá promover no Aliança durante a campanha eleitoral. Tudo sem qualquer símbolo partidário, já que este é um café de todos os farenses”, garantiu Paulo Neves, sublinhando ainda que “o retorno financeiro conseguido será distribuído por Instituições Particulares de Solidariedade Social de Faro”.

PNeves e o simb de Faro AssistRealizados melhoramentos necessários à reabertura daquele histórico espaço, Paulo Neves, que teve a colaboração do historiador Teodomiro Neto e vários artistas (músicos e poetas) de Faro, sublinhou que não é o dono do Aliança, somente “arrendatário que suporta uma renda mensal” e deixou o “desejo que o Aliança, no futuro, tenha donos ou exploradores que consigam fazer mais” por aquele espaço ao serviço da sociedade e cultura de Faro. O investimento será incorporado como despesa de campanha e tudo será divulgado. Em vez de ter mais cartazes e outdoors investimos na reabertura do Aliança”, salientou.

Assist2 Assist1

“Tudo o que fizemos foi com pessoas da cidade de Faro. Uns quiseram oferecer, outros fizeram descontos, houve quem oferecesse material e outros mão-de-obra. Todos os telefonemas que fiz a pedir a colaboração nenhum foi recusado. E devo dizer que  parte deles não serão minimamente apoiantes do PS, apenas gostam do Aliança, por isso, em honra a esses, o Aliança não vai ter qualquer símbolo partidário exposto até ao dia 29 de setembro, sem prejuízo de realizarmos aqui tertúlias e outras ações sobre Faro. Todos os portugueses e estrangeiros que nos visitarem apenas encontrarão um folheto a explicar o que aconteceu em Faro desde 1908 e as grandes figuras nacionais e regionais que frequentaram o Aliança. Não fala nem em PS, nem em eleições”, garantiu o candidato socialista à Câmara de Faro.

ML – t e f

Nota: em breve poderá ver em http://www.algarvepress.net a reportagem vídeo sobre esta iniciativa. 

Advertisements
por Algarve Press

Um comentário a “Aliança reabriu como espaço de tertúlia na baixa de Faro

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s