KRIA -1.ª MOSTRA DE JOVENS CRIADORES DO CONCELHO DE LOULÉ

Com o objetivo de apoiar os jovens criadores do Concelho  na apresentação de trabalhos artísticos originais e inéditos nas mais diversas disciplinas artísticas, a Câmara Municipal de Loulé lança a KRIA -1.ª Mostra de Jovens Criadores do Concelho de Loulé, iniciativa apresentada ontem, no CECAL, pelo vereador da Cultura, Joaquim Guerreiro, perante uma plateia composta maioritariamente por estudantes de Artes.

Kria - C.M.Loule - Mira

foto Mira

Esta Mostra, que tem como parceiros a Casa da Cultura de Loulé e o CIAC – Centro de Investigação em Artes e Comunicação, visa fomentar a criatividade e expressividade dos jovens do Concelho de Loulé, apoiar atividades na área artística, mesmo a nível amador, dando oportunidade aos jovens para mostrar os seus talentos, e constituir uma plataforma privilegiada que dê visibilidade aos seus trabalhos.

O vereador da Cultura sublinhou que este projeto insere-se na estratégia do Município na área da criação artística, na qual se integra também o CECAL, estrutura transdisciplinar que serve de apoio a artistas enquanto polo de residências artísticas e que acolhe profissionais na ótica da pesquisa, da experimentação e da produção artísticas, ou o MOBILEHOME – Curso Experimental de Arte Contemporânea, independente e nómada, que prossegue o objetivo de debater e tornar operativas questões e conceitos centrais ao ensino da Arte.

Esta Mostra poderá evoluir futuramente para um prémio artístico.

Podem candidatar-se à KRIA jovens criadores dos 16 aos 30 anos residentes e/ou naturais do Concelho de Loulé. Os trabalhos poderão ser apresentados individualmente ou em grupo (neste caso pelo menos 50% dos membros deverão reunir estas condições), não excedendo os 6 elementos por grupo. Cada jovem poderá concorrer no máximo a duas modalidades de participação.

O tema é livre em todas as modalidades.

Na área do Teatro, serão aceites propostas de espetáculos de teatro contemporâneo, de carácter experimental, em língua portuguesa, sendo que o espetáculo não poderá exceder os 60 minutos de apresentação em palco. No âmbito do Humor, serão aceites propostas de espetáculos “stand up comedy” em língua portuguesa. Deverá ser tido em conta que o espetáculo não poderá exceder os 20 minutos de apresentação em palco.

Na Música, serão aceites todos os géneros de projetos musicais acústicos ou digitais, nas áreas da eletrónica, erudita, hiphop, jazz, rock, world music, DJ, entre outras. O tema deverá ser apresentado em CD, acompanhado de uma ficha técnica que inclua a letra, o autor da letra e da música, o currículo do grupo ou solista e o nome dos membros do grupo.

Em termos da Dança Contemporânea, os espetáculos propostos deverão ter carácter experimental, com uma duração de 60 minutos. Na área da Literatura, serão aceites trabalhos em poesia, prosa e banda desenhada. Na vertente da Pintura, serão aceites trabalhos sem limitação quanto à técnica.

O Graffiti é outra das vertentes artísticas desta Mostra. Serão aceites esboços em formato A3 da obra a grafitar. A obra poderá ser realizada individualmente ou em grupo. Em termos da Escultura/Instalação, a técnica é livre, no entanto a obra deverá ser facilmente transportável, sem recurso a máquinas. Na área de Vídeo/Documentário, serão aceites propostas em língua portuguesa, cuja duração não poderá ser superior a 20 minutos.

Na vertente de Fotografia, serão aceites fotografias, não se fazendo distinção entre o preto e branco e a cor. Não se colocarão limites quanto ao processo fotográfico. Admite-se uma fotografia ou um conjunto artístico de fotografias. Finalmente, na componente Transdisciplinar, os trabalhos transdisciplinares, consoante as técnicas, deverão ser apresentados por escrito, em planta ou em DVD, com a gravação da obra inteira, num plano geral fixo. Os trabalhos deverão ser entregues na Divisão de Cultura e Turismo acompanhados da ficha de inscrição devidamente preenchida até ao dia 30 de junho de 2013.

Todas as candidaturas aceites a concurso serão avaliadas por um júri e serão premiados os melhores trabalhos. O júri será composto por uma individualidade de reconhecida idoneidade artística e por dois técnicos da Câmara Municipal de Loulé. A apresentação dos resultados e entrega dos prémios será feita no dia 12 de agosto, Dia Internacional da Juventude. Para mais informações contatar o telefone 289 400 957 ou dcm@cm-loule.pt. Regulamento disponível em www.cm-loule.pt

By Algarve Press

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s