FARO UMA CIDADE DESERTA

Associações comerciais, industriais, culturais e outras mais existem e são criadas, presidentes de Câmara farenses e forasteiros são eleitos, programas e acordos de revitalização e apoio ao comércio local implementados, parques de estacionamento construídos e estacionamentos gratuitos e pagos autorizados – tudo na e para a baixa de Faro.

2013-03-01 22.19.56Mas porque será que a baixa da capital algarvia (e não só), como demonstra a “foto”flashada”” do nosso colaborador Luís Nadkarni, continua tão desertificada?

2013-03-01 22.19.40Irónico: Não muito longe existe um local com lojas abertas praticamente até ao fim do dia, com estacionamentos gratuitos, fervilhando de gente, mesmo que grande parte não faça compras por causa da crise… mas, tal como deveria acontecer com a baixa de Faro, transformou-se num local de passeio para a família e descontração para todas as horas do dia, além de compras – claro!

Publicidade a esse local, Não! Antes um desafio para que se unam vontades, esforços e condições para que a baixa de Faro volte aos bons velhos tempos, que eu e várias gerações ainda tivemos o prazer de ver e participar.

Manuel Luís – t  

Luís Nadkarni – f

Anúncios
por Algarve Press

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s