PCP: pergunta ao Governo sobre a reconstrução de habitações destruídas no incêndio florestal de Tavira/S. B Alportel

Na sequência do trágico incêndio florestal de Tavira/S. Brás de Alportel do passado mês de julho, o Governo prometeu apoios céleres às vítimas do incêndio para a reconstrução das suas habitações.

incendio4Na audição promovida na Comissão Parlamentar de Agricultura e Mar (a requerimento do Grupo Parlamentar do PCP), no dia 9 de novembro de 2012, o Secretário de Estado da Solidariedade e da Segurança Social chegou mesmo a anunciar que as verbas destinadas à reconstrução de habitações seriam desbloqueadas dentro de poucos dias.

Contudo, “a situação no terreno desmente as afirmações do Governo. Muitas vítimas do incêndio florestal de Tavira/S. Brás de Alportel esperam e desesperam pelos apoios prometidos para a reconstrução das suas casas, muitos deles em condições precárias no que diz respeito às soluções provisórias de alojamento”.

Não se conformando com este atraso na disponibilização dos apoios, “o Grupo Parlamentar do PCP colocou um conjunto de questões ao Ministério da Solidariedade e Segurança SociaL, nomeadamente, sobre o número de habitações que receberam apoios para a reconstrução, a data da efetiva disponibilização das verbas para a reconstrução, o número de habitações reconstruídas nos 6 meses seguintes ao incêndio florestal e a data em que a reconstrução de todas as habitações estará concluída”.

 

By Algarve Press

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s