Geraldo de Jesus: FALECE O CORPO FICA A MEMÓRIA DO JORNALISTA AMIGO

GeraldoTenho de começar por pedir desculpa aos nossos leitores por há quase dois dias Algarve Press não publicar qualquer notícia, mas, concordarão certamente comigo, não há notícia nem jornal que seja mais importante que a vida e, com ela, a amizade entre os homens, especialmente quando se trata de alguém a quem respeitamos tanto que, para um ilhéu como eu, não tive dúvidas em o receber como camarada do mesmo “barco”, ainda para mais quando aceitou ser mais um “remador” não remunerado, remando contra a crise –  para que ela não afunde Algarve Press, evitando, assim, ser mais um dos meios de Comunicação Social locais a fechar portas, enfraquecendo ainda mais a já muito enfraquecida Democracia portuguesa.

É com profundo e doloroso pesar que, ironicamente no dia que para nós cristãos simboliza o nascimento de Cristo, escrevo a notícia sobre o falecimento de Geraldo de Jesus, transmitindo todo o meu sentimento à família deste camarada, companheiro e amigo na luta contra as muitas tempestades que nos têm fustigado nos últimos anos .

Apesar da minha experiência nas lides da escrita, de tanto que quero escrever sobre esta grande figura do jornalismo tavirense e algarvio, a dor prende-me o movimento dos dedos e desencontra-os com o teclado do computador.

Mesmo assim não deixo, tal como sempre fiz em vida, nomeadamente nas ocasiões que me pedias para noticiar as tuas exposições fotográficas, de me dirigir a ti meu camarada de lides e grande companheiro de todas as horas, para repetir que foi um privilégio trabalhar e aprender contigo.  Tal como eu, Algarve Press ficou muito mais rico com os teus trabalhos jornalísticos, escritos ou fotografados, nãos poucas vezes enviados às tantas da madrugada para serem publicados com atualidade.

Sempre preocupado com as causas e problemas sociais, agora mais impiedosos para com a maioria da população, as Instituições de Solidariedade Social (IPSS), de Tavira e não só, perderam um grande amigo – sempre de olhar e objetiva em riste, em defesa dos mais carenciados.

Postura idêntica para os políticos, eleitos ou de nomeação, que tinham em Geraldo de Jesus um crítico leal, sempre disposto a aplaudir ou questionar, até porque há muito aprendemos que não existirem perguntas parvas, pelo contrário há quem, especialmente quando ocupa a cadeira do poder, seja ela qual for, faça garbo em utilizar repostas e atitudes cretinas, como defesa da incompetência e má formação. Até estes perderam um amigo que os ajudava a promover uma governação de proximidade – mais humana e menos material – tão necessária para fazer frente ao empobrecimento, a todos os níveis, galopante do nosso Algarve, imagem fiel do País, onde as pessoas são subjugadas e até substituídas pelo cifrão.

Através do nosso amigo e colaborador de sempre, outro tavirense ilustre, soubemos do falecimento do nosso amigo e, por seu “Irmão do Carmo”, o funeral do Geraldo de Jesus deverá realizar-se na próxima quinta feira (ainda com horário a definir) desde a Igreja do Carmo, em Tavira.

O teu corpo parte meu amigo, mas a memória fica!

Manuel Luís

Geraldo- homen 24-06-2008 - 1

 

Curriculum:

Homenageado este ano pelo Clube de Vela de Tavira, Sócio honorário, no ano Rotário 2011-12, do Rotary Clube de Tavira, MANUEL GERALDO JORGE DE JESUS, natural de Santa Luzia. nascido em 05/12/1939. – pai de três filhos e avô deduas netas. Em 2010 completou o 12º ano na Escola Secundária Dr. Jorge Correia. Vários cursos de informática e estágios profissionais, sempre com bom aproveitamento. Aos 11 anos foi para Angola e por lá ficou vinte e cinco anos; foi 2º. Sargento do Quadro Permanente do Exército; Adjunto e Comandante de Sector da Organização Provincial de Voluntários e Defesa Civil de Angola. Na sua folha de serviços constam vários louvores e condecorações. Falar de Angola com o GERALDO era sinónimo de ver o seu sorriso de orelha a orelha, mas também alguma lágrima no canto do olho.

 

Regressado de Angola, em 1975, foi colocado, a 16 de Janeiro de 1976, no Posto Agrário de Tavira e posteriormente na Direcção Regional de Agricultura do Algarve, em Faro. Aposentou-se em 1985 com a categoria de Chefe de Secção. Por intermédio de uns amigos inicia-se. Como hobby, na Imprensa local, colaborou 21 anos com a Rádio Gilão e foi director interino do Jornal do Sotavento e colaborador do Jornal Algarve Press.

Mas a sua grande paixão é a fotografia. Participou em concursos de fotografia a nível local, tendo obtido vários primeiros prémios. Em Abril de 2009, apoiado pela Junta de Freguesia de Santiago, expõe no Mercado da Ribeira. Em Agosto do mesmo ano, a convite da Junta de Freguesia de Santa Luzia, faz uma exposição de fotografia, subordinada ao tema IMAGENS DA MINHA TERRA. Foi um sucesso.

O GERALDO foi dirigente desportivo, árbitro de hóquei em patins e de andebol, distinguido por várias colectividades recreativas e desportivas. Foi Presidente da Assembleia-geral da Banda Musical de Tavira, da qual foi feito sócio honorário. Em 1999 recebeu a medalha JORNALISTA da C. M. Tavira. Em 2004 prémio PRESTÍGIO da C. M. Tavira, em 2005 foi distinguido pela Junta de Freguesia da Conceição e em 2009, pela Junta de Freguesia de Cabanas. Mas em 24 de Junho de 2008, no dia da cidade de Tavira, foi condecorado pelo Município, com a medalha de MÉRITO MUNICIPAL – Grau Cobre.

Como dador benévolo de sangue tem as medalhas de cobre e prata, são mais de quarenta dádivas.

A juntar à sua colaboração com Algarve Press, em 2010 passou a colaborar com a Rádio Horizonte, Jornal Algarve Notícias e Postal do Algarve.

 

 

 

 

 

 

Anúncios
por Algarve Press

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s