CFC considera Reorganização Administrativa “Lei Cega e Errada”

“Faro exige e justifica manter órgãos autárquicos próprios nas Freguesias de: Sé, S. Pedro, Montenegro, Conceição, Estoi e Sta. Bárbara de Nexe, como CFC sempre reivindicou”, afirma o movimento liderado pelo antigo edil farense, José Vitorino, através de nota de imprensa que transcrevemos:  

ilha faro aerea“A chamada Reorganização Administrativa aprovada na generalidade na Assembleia da Republica pelos Deputados do PSD e CDS, é uma lei cega e errada que atenta contra as populações e que criaria fraturas com ódios e guerrilhas entre vizinhanças. Fazem o monumental erro de acabar com Juntas de Freguesia sem ter em conta as realidades concretas e, contra o que a lei previa,  não têm coragem  de decidir quais as que são ” engolidas “, remetendo para as populações e futuros eleitos decisões fratricidas.

No entanto, o CFC-Movimento Autárquico Independente ” Com Faro no Coração “, apela aos Deputados para corrigirem o erro e decidirem no sentido de uma verdadeira e profunda Reforma Administrativa participada, com um edifício completo e integrado: Regiões Administrativas; Comunidades Intermunicipais; Municípios; e Freguesias.

O caso de Faro é ilustrativo do absurdo de uma situação que merece rejeição absoluta e uma guerra total,  por todos os meios democráticos. Num primeiro projeto do Governo, estavam em risco de extinção as freguesias de S. Pedro, Montenegro e Conceição de Faro. Num segundo projeto, estavam em risco S. Pedro (por  agregação à Sé) e Conceição de Faro ( por agregação a Estoi ).

Mapa de FaroAgora, querem decidir que o Município fique apenas com quatro Juntas de Freguesia: Sé/S. Pedro, Estoi/Conceição; Montenegro; e S.ta Bárbara de Nexe. Mas deixam em aberto,  se  a Sé que “engole” S. Pedro,  ou se é ” engolida” por esta; e se Estoi ” engole”  a Conceição ou se é esta que a ” engole”. Ao violentarem as populações e futuros eleitos a decidirem nas próximas eleições, iriam abrir guerras fratricidas que são criminosas, pois agora estão todos em paz e são amigos.

Como o CFC sempre defendeu e pelo qual tem lutado, pela sua história e identidade,  alicerçadas  nas suas economias e infraestruturas de saúde, educação, solidariedade, cultura, desporto, religião, associações, dimensão geográfica e população, as Freguesias da Sé, S. Pedro, Montenegro, Estoi,  Conceição de Faro e S. Bárbara de Nexe, justificam em absoluto ter cada uma os respetivos órgãos autárquicos próprios. Porque é justa, é uma luta que o CFC vai continuar a travar”, conclui o documento CFC.

Advertisements
por Algarve Press

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s